Divagando sobre a rotina da nova geração

Hoje estamos na geração “C”. “C” de “conectados”. Já ultrapassamos as gerações X, Y e Z com descobertas e evoluções na tecnologia. Hoje, todo mundo pode fazer praticamente de tudo pela internet: Desde trabalhar até divertir-se em qualquer lugar como numa rua, na chuva ou em uma casinha de sapê (se tiver um sinal EDGE, o “Feice” já tá garantido) ou, ainda, esperando pacientemente ser atendido em um consultório ou em uma viagem. Nada tão é difícil e nem inalcançável para um dono de um Smartphone. Seja ele Android ou iOS.

Uma coisa que é sensacional nos dias de hoje (e que vi recentemente pois não fazia ideia que dava certo) é acessar o Street View pelo celular. Como é linda a tecnologia, não é verdade? Com ele posso viajar virtualmente até Belo Horizonte, Curitiba, Vitória ou ir mais para longe como Las Vegas, Nova Iorque, Berlim, Egito ou qualquer outra parte do mundo. E isso sem tirar os meus pés daqui de Guarapari. Nessas horas que agradeço, mesmo o serviço não sendo lá essas coisas (e sendo praticamente um monopólio), a minha internet de míseros 5 MB. E agradeço também a minha mãe, que me dá dinheiro para comprar um bom celular. Risos.

Mentira, o celular fui em que comprei, mas quem vive a “magia” da web sou eu, pois ela não gosta.

Tento tirar o maior proveito dos smartphones que eu compro, afinal, quase não paro em casa. Isso é de lei. Acho que aproveitaria um pouco mais se tivesse um tablet, mas tudo que utilizo hoje no meu telefone dispensa o uso deste dispositivo. O touchscreen dele já me adianta e eu tenho pavor de usar aquelas canetas que vem com alguns modelos, sabe? Nada melhor que o bom e velho dedo engordurado (até para jogar).

iphone-5-cancer
O poder está em suas mãos, já diria o adolescente solitário.

Assim, fica muito mais fácil quebrar a rotina, quer seja nos intervalos do trabalho, quer seja em uma viagem enfadonha e longa ou em qualquer outra circunstância. Divertir-se jogando ou pesquisando alguma coisa para melhorar os seus conhecimentos sobre plantas, animais, sobre saúde, finanças, podem ser algumas das formas de divertimento e isso é uma das milhares de vantagens que um celular com internet pode te proporcionar (fora que você pode fazer ligações, não é impressionante?).

Hoje, mesmo não saindo de casa ou do trabalho, já não existe motivos para se sentir um forever alone. Essa também é outra vantagem dos celulares de hoje.

Antigamente contávamos com aqueles chats do UOL com dezenas de salas com os mais diversos assuntos, onde podia-se conversar com gente de todas as partes do Brasil. Hoje tem alguns sites com chats e fóruns Mundo a fora, que não são em Português (ou até tem um tópico no idioma, afinal, tem Brasileiro em tudo em quanto é lugar). Um bom exemplo é o não tão obsoleto Chatroulette (quem lembra?) e, nos chats que tinham por lá, só o Inglês predominava. Dominar esta língua (e outras), pode ser igualmente divertido e pode render até alguns amigos. Fora que existem dicionários, tradutores online e até cursos gratuitos que rapidamente lhe facilitarão essa comunicação.

Algumas pessoas, que desprendem mais tempo no seu dia com essa modernidade toda, conseguem acompanhar em tempo real o trabalho do seu ídolo ou de qualquer artista ou, também, daqueles famosos “fulano foi visto”, comum em sites de fofoca, por exemplo. Geralmente (não todos) são adolescentes que fazem isso. Eles gostam muito de saber essas coisas e, também, aproveitam para dar aquela filada no Wi-fi do vizinho, ver o Facebook, Twitter, o Insta, baixar uns joguinhos, uns Apps

Ganhar dinheiro que é bom, nada.

Porém (sempre tem um), tem gente que ganha dinheiro sim com Internet. Uns ganham com blogs (o meu caso), outros ganham com vendas (e-commerce), outros ganham com vídeos, outros com aplicativos, outros com jogos e outros apostando, através do seu smartphone ou tablet, em jogos de casino online como no JogosdeCasino.pt (e outros do ramo).  E tem muita gente aderindo a esse tipo de renda, pois é um dos segmentos que mais tem crescido com o aumento da utilização de smartphones.

Resumidamente, é muito bom sair da sua rotina (ou continuar nela) e distrair-se, poder fazer algo diferente (sem ter que fazer algo 100% diferente e fora da sua zona de conforto) e ainda ganhar uma graninha. Aposto com você que você faz alguma coisa do tipo, mesmo que pouco, não é verdade? Eu também!

Sem sentido? Talvez. Confuso? Provavelmente. Mas é por um bom motivo.


Quem é Rogério Lima

veja todos os seus posts

Ex-pagodeiro, Empresário, Gamer, Capixaba e criador desse e de outros ~trocentos~ blogs. Está nessa vida desde 2003, mas não ficou nem rico e nem famoso. Gosta muito de receber brindes, mas é sempre esquecido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*